@ tainah negreiros

sexta-feira, 4 de abril de 2008

depois da chuva

não, não queria sair
estou exposta
a vida é imensa
e eu estou em carne viva

4 comentários:

Lubi disse...

aprendi que ser poética é algo como você.

adorei.

Menina da lua disse...

E isso entrou no meu espírito ...


Tua poesia me fascina!

Abraço

maria clara disse...

tá em carne viva?
=(

Sanmya disse...

sei não, sei não
=~~~~